27/11/2017

Universo Vestibulares

Postado por Equipe de Marketing

0

Machado de Assis, Carlos Drummond de Andrade, Manuel Bandeira, Clarice Lispector… Muito mais do que aparecer em citações bacanas nas redes sociais, esses clássicos escritores da língua portuguesa fazem parte de muitos dos livros para vestibular, geralmente na lista obrigatória. Para prestar alguns desses exames é preciso ter lido alguns de seus livros e fazer uma análise sobre eles. Por isso, ficar de olho no período em que a obra foi publicada, o foco narrativo, os personagens e as principais características dos livros é sempre muito importante. Lembro a você que, não só os vestibulares exigem conhecimento das obras literárias, mas uma boa parte dos concursos públicos apresentam questões sobre o assunto. Portanto, conhecer previamente os livros mais pedidos e que mais caem nas provas é uma maneira de não ser surpreendido durante tais avaliações e é isso que trago para você. Veja essa listinha com alguns autores que valem a pena você conhecer mais a fundo!

Machado de Assis

O autor (foto acima), nascido no Rio de Janeiro, fez parte do realismo e romantismo e fez algumas das mais importantes obras da língua portuguesa como Memórias Póstumas de Brás Cubas, O Alienista e Quincas Borba. Além disso, é responsável por um dos maiores mistérios da literatura nacional: Capitu traiu ou não Bentinho em Dom Casmurro?

Manuel Bandeira
 

O recifense Manuel Bandeira é outro nome que costuma cair bastante nas provas do vestibular. Professor de literatura, dominava completamente a técnica da escrita – sendo com frequência muito direto. Estrela da Vida Inteira, que reúne uma grande parte da obra do autor, é um de seus trabalhos mais conhecidos. Sua poesia traz elementos do simbolismo e do parnasianismo aliados ao modernismo que acabava de surgir na época.

Carlos Drummond de Andrade
 

Sim, aquele mesmo da estátua na praia no Rio de Janeiro. Drummond, com seu livro Poesia Completa, é um dos campeões de aparições nos vestibulares. Um dos grandes modernistas brasileiros e considerado o maior poeta do século XX, é caracterizado pelo seu pessimismo e ironia diante dos acontecimentos da vida.

Clarice Lispector
 

Autora modernista da 3ª fase, suas frases tem grande repercussão e suas obras possuem uma profundidade especial. Os textos da autora que nasceu na Ucrânia contém muita reflexão – a cada vez que você lê, consegue perceber novas referências que estimulam cada vez mais a sua interpretação. Um de seus livros mais famosos é A Hora da Estrela, de 1977, que utiliza bastante essas reflexões. Procure ler a obra dela e não somente as citações que lhe são atribuídas nas redes sociais, muitas delas não são de Clarice.

Aluísio Azevedo
 

Grande nome do naturalismo brasileiro, o autor apresenta críticas fortes e chocantes à sociedade de sua época. Alguns de seus temas recorrentes eram a crítica à escravidão, preconceito racial e às formas de exploração. Sua obra mais conhecida é O Cortiço, que denuncia a exploração e as péssimas condições de vida dos moradores das estalagens ou dos cortiços cariocas do final do século XIX.

Luís Fernando Veríssimo
 

Famoso por suas crônicas bem-humoradas e despreocupadas, faz parte da literatura contemporânea e opta por uma linguagem mais simples. Quando escreve sobre temas sociais e políticos, acaba utilizando muita ironia e não perde a classe. Sua obra de crônicas Comédias da Vida Privada virou uma série de televisão (muito boa, por sinal, quem aí se lembra dela?) e assim se tornou um de seus mais conhecidos trabalhos. Existem uma série de outras obras e escritores que também podem cair no vestibular devido a grande riqueza dos escritores do Brasil. Já o Enem não possui uma lista de livros obrigatórios, podendo cair qualquer obra de uma das fases da literatura brasileira. Então, não perca tempo e caia de cabeça na leitura dessas obras!